COFFEE LAB - SARTORI DESIGN



Mais um post mostrando que as fazendas e afins estão aderindo o #containerlifestyle (o da semana passada tá aí ó GRANJA TONYS FARM SHANGHAI - PLAYZE). Mas desta vez, é Brasileiro!


A Ipanema Coffees é uma empresa de Minas Gerais (confuso) que, com o intuito de melhor receber seus clientes, propôs à Sartori Design redesenhar o que antes era apenas uma sala e transformá-la em um Coffee Lab - degustação, controle de qualidade e classificação dos funcionários - tudo dentro de 7 containers.


“Uma das maiores dificuldades foi casar a estrutura do edifício com as suas funções. Devido ao uso específico dos ambientes, trabalhamos a funcionalidade de cada um deles junto ao cliente”, explica a arquiteta.


O container base é responsável pela área da recepção, área de degustação (showroom) e a torra de café, que é o centro de todo o projeto fazendo alusão ao ‘coração’ da fazenda e dividindo o espaço entre a classificação e o showroom. Com estrutura de pé direito duplo e uma cortina de vidro ampla, é possível ver de fora a parte da escada que te leva até o outro pavimento de container, onde fica o mirante que dá visão geral da fazenda incluindo a plantação de café.


A ideia era passar uma atmosfera minimalista e industrial, sendo o container uma ferramenta autossuficiente que atinge essas expectativas. As estruturas foram respeitadas para criar esse local mais sofisticado, e algumas paredes internas foram intocadas no quesito ferramenta, deixando a aparência do próprio container. Outras, optaram por preencher com tijolos e madeiras, material usado também nos móveis e principalmente nas mesas, que foram produzidas a partir dos troncos de antigos pés de café.


A sustentabilidade do projeto já conta muito com a reutilização dos containers, mas não bastando isso, os sete recipientes têm iluminação de LED, placas fotovoltaicas, e utilizaram de um revestimento termo-acústico chamado lã de PET - material sustentável que substituiu as lãs de rocha e vidro -, e a construção tem um sistema de biodigestores anaeróbico no teto verde, que trata a água captada para reutilizar na rega do jardim.











Bônus:

não contente em montar uma estrutura de 7 Containers, a Sartori Design resolveu acoplar mais um ao escritório da empresa que ficava no mesmo terreno. Com o intuito de comportar o laboratório dos trainees, além da reforma do layout e interior da área que era apenas uma casa descaracterizada. Ps: os materiais e estruturas sustentáveis também se aplicam a essa reforma a parte.